Uma ferramenta multi-uso que poupa espaço e garante resultados práticos

2205472_MT18_1

Uma ferramenta multi-uso que poupa espaço e garante resultados práticos

Dou por mim a pensar quantos berbequins tive ao longo da vida. Devo ter comprado, sem exagero, uns cinco. O melhorzinho está emprestado a uma amiga há quase uma década. Os mais baratos vão-se estragando por esta ou aquela causa. E o que faço quando preciso mesmo de um? Vou à casa da mãe buscar o Black + Decker do pai, uma coisa poderosíssima, pesadíssima e que ainda funciona na perfeição.

Por essas e outras, sempre respeitei esta marca e qual não foi o meu espanto (e agrado) quando recebi para uma análise o novo Multievo 18V, uma multi-ferramenta pequena, leve mas com força suficiente para fazer o que um fulano como eu, pouco dado a bricolage, necessita de vez em quando, desde pendurar um quadro, apertar e desapertar parafusos, lixar a tampa da mesa que estava toda riscada, dar ar ao pneu vazio e até serrar um corte específico em madeira… sim, não estou a exagerar.

BDa

O pack que me foi entregue é composto por um corpo Multievo 18V mais a cabeça berbequim percutor, ou seja, dá para furar e também aparafusar. Este Multievo pode ser adquirido com a cabeça aparafusadora, mas ainda bem que me calhou a “para obras” pois a minha vida transformou-se nestes últimos dias de quase Natal: em vez de ficar sentado 10 a 12 horas ao computador, estou a ser chamado para pequenos serviços.

Uma ferramenta multi-uso que poupa espaço e garante resultados práticos

O Multievo 18V é, quanto a mim que sou pouco dado a estas coisas, uma obra prima de engenharia. O corpo é super compacto e leve. A bateria encaixa-se facilmente e aguenta muito trabalho. Como vêm duas na caixa, deu para guardar uma carregada para fazer um teste de “longa duração”, pois a marca afirma que ela conserva 80% da carga durante 90 dias. Não sei ao certo se o faz, mas que estava plena de poder quando a substituí, faz-me acreditar no que é avançado oficialmente. Pressionando um botão no topo da ferramenta, destrava-se a cabeça. A marca enviou-me outras duas para experimentar, uma serra de corte e um compressor para encher pneus. Ainda não serrei, mas já enchi um pneu. Basta mudar a cabeça, colocar a boca do tubo na válvula, pressionar o gatilho e o famoso barulho toctoctoctoc enche o pneu, valores que são visíveis pelo mostrador analógico. Só vos digo, impecável!

451d21788aadc56571f4c4c53b9e3096Na semana passada, a minha mãe pediu-me para fazer um ou dois furos para pendurar quadros. Pensei para os meus botões que era a ocasião perfeita para começar a experimentar este Black + Decker. Chegado, e para comparar o que três décadas mudam nesta indústria, fui buscar o modelo “imortal” comprado pelo meu pai há mais de 30 anos e que está ali para as curvas, haja força de braço para aguentar tanto peso e alguma paciência para desenrolar o cabo e a extensão que lhe dá mais metros. Realmente, a diferença é abismal em materiais, peso, tamanho, e neste caso muito próprio, solução engenhosa.

Depois de preparar o berbequim, e após fazer um ligeiro furinho para servir como apontador, eis que me preparei para a guerra que ia ter. Ah, não vos contei, mas a casa da mãe data dos anos 50, na altura em que as paredes são de uma grossura quase intransponível, assim como os materiais de construção de elevada qualidade. O meu receio era que o Multievo 18V não tivesse força de percussão para o trabalho, mas teve. E sim, fiquei um pouco surpreso: afinal trata-se de uma peça leve e a bateria que fez sem queixume o trabalho do antecessor. Esta unidade (chamar-lhe berbequim é redutor) permite regulação da velocidade para poder perfurar com mais precisão, tem 10 níveis de ajuste como parafusadora, permitindo um super controlo sobre o que nos propomos a fazer (da ideia à execução, muito engenho passa também pelo próprio aventureiro, ou seja e neste caso, eu.).

A Black + Decker criou um conceito eficaz: uma multi-ferramenta que permite cortar cartão, arame ou tubos de cobre; serrar pranchas de madeira, encher pneus; lixar superfícies pequenas ou com relevos complexos; podar; aparafusar ou perfurar alvenaria, são algumas das funcionalidades, mas estou em crer que a colecção de “cabeças” tende a aumentar para responder a todos os nichos ou necessidades de um trabalho, por mais específico que seja. Existem alguns pontos a melhorar: por exemplo, uma mira laser pode ajudar muitas funções, principalmente na serra de corte, mas de resto e pelo conceito, parabéns!

O pack ainda tem:

  • Ponta de dupla função
  • Bateria extra
  • Mala

PVP: Multievo 18V com cabeça berbequim percutor

PVP: cabeça serra de corte

PVP: cabeça Compressor

 

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Análises – reviews

Breves

Siga o VoiceBox, um blogue de João Gata