Apresentando-se como um equipamento muito importante para 2018, o novo Huawei vem fortalecer a presença da marca no segmento médio


As coisas são como são: ainda no ano passado, os rumores apontavam o abandono dos segmentos base e médio por parte do fabricante chinês que tinha planos para reforçar apenas a gama alta. Mas eis que no primeiro dia de Fevereiro, o que se pode considerar como princípio do ano, a marca apresentou em Lisboa o novo Huawei P Smart com um objectivo claro: ser líder no segmento médio, aquele que em Portugal tem uma importante fatia de mercado.

Huawei P Smart

A Huawei, que está em 170 países, continua na linha da frente no desenvolvimento da tecnologia 5G, sendo a marca que apresenta soluções disruptivas como a câmara dupla original e a inteligência artificial.
Eis um dado curioso, uma em cada três chamadas feitas através de um smartphone é feita através de um Huawei, factor importante para perceber o cimentar da posição no topo das preferências.
Mais dados interessantes, pois a apresentação do P Smart também serviu para expor resultados: por exemplo, a marca detém 94% de awareness em Portugal com 50% de taxa de penetração e um crescimento de 47% em 2016/17, sendo a que mais evoluiu no nosso país.
Desde o modelo P6 ao P10, tem conseguido arrecadar prémios pela qualidade fotográfica e o Mate 10 Pro foi considerado como o melhor do ano pela Android Authority.
O ano de 2018 começa, por tudo isto, da melhor forma com o prémio escolha do consumidor para a categoria de smartphones.
O target do P Smart posiciona-se no segmento com mais crescimento em Portugal e que exige uma atenção particular. É um grupo-alvo que está sempre ligado à internet e que vive as redes sociais numa base diária, utilizando os terminais para multitasking. Para este mercado, a Huawei pensou num produto jovem, dinâmico, esteticamente apelativo e que faz uso do sistema operativo mais avançado e que ainda poucos terminais apresentam.
Com um processador Octacore 659, tem ecrã fullview com 5,6″ HD num tamanho compacto e de peso leve. Vem tomar o lugar de modelos como o P9 lite e está equipado com Android 8 e emui 8, com 3 GB de RAM e 32 GB de capacidade interna expansíveis com cartão. Sendo Duplo SIM, tem uma bateria com 3000mAh que serve bem um equipamento deste calibre.
A qualidade fotográfica está adoptada a este segmento com filtros criativos e dual câmara. A secção principal tem objectiva com 13 MP e 2 MP para o efeito bokeh.
O Huawei P Smart vai estar disponível em três cores, preto dourado e azul, e estará à venda a partir de 5 fevereiro por 279€.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Analista ao volante do novo Mercedes Classe A

Análises – reviews

Breves

Siga o VoiceBox, um blogue de João Gata