Nokia 130

O mercado mobile está em plena reformulação. Se os smartphones topos de gama já têm o seu nicho assegurado e os fabricantes chineses começam a fazer mossa na entrada de gama e no segmento entre os 100 a 200 euros, há que repensar estratégias e targets para continuar a vender novos produtos. Um dos segmentos mais apetecíveis é o dos base de gama mas que já possibilitam uma utilização mais variada. A Microsoft Devices (Nokia) sabe disto (a marca europeia tem um historial fantástico em todos os segmentos e a sub-brand Lumia já tem o seu lugar, arduamente conquistado, bem marcado) e aposta num modelo ultra acessível a pensar nos milhões de consumidores que querem um terminal simples, barato, mas que lhes garanta algum conforto de utilização e alguma experiência digital.

O novo Nokia 130 é um equipamento concebido a pensar nos milhões de consumidores que pretendem aceder ao mundo das experiências digitais. É proposto por 19 euros (preço de retalho recomendado, excluindo impostos e subsidiação), tem um design elegante e inclui leitores de vídeo e de áudio, capaz de reproduzir música durante 46 horas com apenas um carregamento da bateria, assim como funcionalidades úteis, tais como lanterna, rádio FM e carregamento USB. Para além da memória expansível por meio de cartões microSD até 32GB, o Nokia 130 integra ainda Bluetooth com funcionalidade SLAM e conectividade USB, de modo a permitir a partilha de conteúdos digitais sem ser preciso ligação à Internet.

Aliás, e quanto a mim, este Nokia 130 servirá ainda melhor como um bom e barato leitor multimedia do que para fazer chamadas. Onde é que se compra um leitor por este dinheiro? E ligado à net e com bluetooth?

Pode ser a escolha certa para as pessoas que pretendem aceder ao universo “mobile first”, ou para quem procura um equipamento de backup fiável. Possui um ecrã a cores com 1.8’’ e uma autonomia que atinge 36 dias em standby na variante Single SIM e 26 dias na variante Dual SIM.

“À medida que cresce a procura no segmento dos telemóveis mais acessíveis, a Microsoft mantém-se empenhada em disponibilizar as mais recentes inovações para todas as faixas de preço”, afirmou Jo Harlow, Corporate Vice President for Phones, Microsoft. “Estima-se que pelo menos mil milhões de pessoas em todo o mundo ainda não possuem um dispositivo móvel, verificando-se simultaneamente uma maior procura por equipamentos de backup fiáveis, tanto nos mercados mais maduros, como nos que estão em rápido crescimento”.

“Graças a dispositivos como o Nokia 130, vemos um grande potencial na disponibilização de experiências de tipo ‘mobile-first’ às pessoas que procuram o seu primeiro telemóvel, ao mesmo tempo que continuamos a investir em equipamentos muito acessíveis que facultam experiências ‘cloud-first’ através dos serviços Microsoft, como o Bing, Outlook.com e OneDrive”, acrescentou Jo Harlow.

 

 

CARACTERÍSTICAS DO NOKIA 130
Sistema operativoSeries 30+
EcrãQQVGA com 1.8”
BateriaCapacidade: 1020mAh. Até 36 dias em standby (Single SIM) e 26 dias em standby (Dual SIM); 13 horas em conversação (2G); 46 horas de reprodução de música; 16 horas de reprodução de vídeo.
ConectividadeUSB 2.0; conector AV de 3.5mm; microSD; Bluetooth 3.0 com SLAM
MemóriaSuporte para microSD até 32GB

 

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga o VoiceBox

QUAL O MELHOR SMARTWATCH 2017?

A ESTREIA EM DUAS RODAS

Vídeo da semana