1

Directamente da costa de Amalfi na Itália, uma receita absolutamente fantástica e de uma simplicidade quase surrealista de que só os italianos são capazes. Nós criámos a nossa própria versão dando-lhe um toque português com o pão frito de Martinlongo, o azeite de Vila Boim e o peixe de Portimão.

À primeira vista, ingredientes muito básicos, nada exótico ou fora do vulgar, apenas peixe fresco, tomate, alhos, salsa e azeite. Desengane-se, pois com ingredientes simples e muita paixão podem fazer-se verdadeiras maravilhas gastronómicas.

Pode usar-se robalo em vez de dourada, o importante é o peixe ser extremamente fresco! O acompanhamento pode ser uma salada verde ou legumes salteados, para nós a melhor opção é um pão rústico frito.

Peixe na “água louca” em italiano Pesce all’ Acqua pazza é à partida um nome no mínimo curioso, é quase impossível resistir à tentação de ver e provar tal coisa.

Afinal o que é a água louca?

O peixe é feito de uma forma muito especial, diferente do que estamos habituados. Não é cozido, não é frito é simplesmente cozinhado nos seus próprios sucos dando origem à “água louca”, um molho com um aroma intenso, incrivelmente saboroso onde o paladar a mar é predominante mas também podemos sentir o gosto fresco do tomate e da salsa.

A verdadeira surpresa é a forma rápida e fácil de fazer peixe de forma simples, em apenas 10 minutos vai descobrir um prato absolutamente fantástico.

 2

RECEITA

 

 

Ingredientes: 

  • 2 douradas pequenas entre 300 a 400g (ou robalo)
  • 300g de tomate cherry
  • 1/2 ramo de salsa
  • 8 dentes alho
  • 1 copo de água (125ml)
  • sal q.b.
  • pimenta q.b.
  • azeite
  • 4 fatias de pão rústico (tipo alentejano)

 

 3

Modo de Preparação: 

Comece por fritar o pão, coloque apenas um fio de azeite numa frigideira e ponha o pão deixando ficar o tempo suficiente para alourar, depois vire-o e aloure do outro lado.

4

Prepare então o peixe, lave-o bem e tempere com sal grosso por dentro e por fora, coloque-o sobre papel de cozinha para secar o excesso de água.

Numa frigideira coloque um fio de azeite e ponha os peixes inteiros. Adicione os alhos esmagados com a pele, os tomates cortados ao meio, a salsa e o copo de água. Tempere então com pimenta preta e rectifique o sal. Tape e deixe cozer 10 minutos em lume médio sem destapar.

nota: 10 minutos é o tempo de cozedura de um peixe entre as 300 e as 400g, caso o peixe seja maior deve ter atenção ao olho do peixe, ele deve ficar baço como na foto a baixo é isso que mostra que está no ponto.

5

Findo este tempo está pronto a servir acompanhado com o pão frito.

6

7

 

Receitas, truques, dicas, utensílios… por Travessa das Bolinhas Vermelhas

 

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Análises – reviews

Breves

Siga o VoiceBox, um blogue de João Gata