As unidades Sony SL-E são a nova série SSD topo de gama para um armazenamento de dados super rápido num tamanho muito compacto

A Sony SL-E foi concebida a pensar nas necessidades de profissionais como arquitectos, engenheiros e investigadores.

Sendo mais pequena que um cartão de crédito, é muito compacta e leve e tem uma capacidade de armazenamento de 960 GB.

Palavra chave: compatibilidade

Esta SSD está equipada com entradas USB Type-C compactas e reversíveis, para uma ligação aos mais recentes dispositivos móveis, bem como a cabos standard A.

Estas duas entradas garantem a utilização com uma vasta gama de dispositivos, tais como computadores Mac e Windows, ou smartphones e tablets Android.

A Sony anuncia a nova série SSD para um armazenamento de dados rápido e compacto

A ferramenta ideal para a fotografia profissional

A interface USB 3.1 de 2.ª tem velocidades de transferência de dados de até 540 MB/s (leitura) e 520 MB/s (escrita).

A unidade SL-E utiliza uma memória flash, sem quaisquer componentes móveis, para aumentar a capacidade de resistência aos impactos e reduzir a possibilidade de avarias mecânicas e a temível perda de dados.

A unidade integra ainda o software ENC DataVault Lite, para garantir a máxima segurança dos seus ficheiros.

A Sony SL-E foi concebida com detalhes cuidados, tais como a superfície estriada para um fácil manuseamento e o LED de acesso de alta visibilidade.

As unidades estarão à venda durante este mês com as seguintes características:

240 GB com PVP 169€

480 GB com PVP 289€

960 GB com PVP 499€

Para as especificações do produto, visite: https://www.sony.pt/electronics/discos-rigidos-externos/sl-e-series

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Análises – reviews

Breves

Siga o VoiceBox, um blogue de João Gata