Chama-se Vivobarefoot Ultra Blooms e vem da famosa Clark’s.


Como português, sei muito bem que os fabricantes de calçado made in Portugal são dos melhores do mundo. Mas como cliente, e não encontrando os modelos que esses mesmos fabricantes exportam para mercados onde não me encontro, sempre tive a tendência para encontrar nos ingleses o melhor aconchego para os meus pés.

Isso aconteceu durante anos (e muito recentemente) com os Doc Martens, mas foi a Clark’s que sempre me fez esgotar o cartão de crédito na sua loja londrina.

Isto tudo para explicar que Galahad Clark, agora o responsável pelo negócio familiar, tem andado ocupado com o que calça e tentado encontrar alternativas para os materiais e formas de produção tradicionais.

Já por aqui falei dos sapatos impressos em 3D com materiais recicláveis que a marca apresentou no ano passado, mas Galahad apostou ainda mais forte e vai apresentar já este mês os Vivobarefoot Ultra Blooms, sapatilhas feitas de, atenção, biomassa que encontramos nas algas.

O novo calçado é super fino e extremamente leve, muito confortável e tão maleável que pode ser arrumado dentro de uma pequena esfera.

Está preparado para qualquer tipo de piso, inclusive dentro de água, pois os muitos buracos que a estrutura apresenta servem exactamente para escoá-la.

A cor é única: verde alga.

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Siga o VoiceBox

QUAL O MELHOR SMARTWATCH 2017?

A ESTREIA EM DUAS RODAS

Vídeo da semana